quarta-feira, 8 de agosto de 2007

Continuo preferindo vender sonhos...


Tem um tipo de passageiro que realmente não me dá prazer: é o imigrante!

Desfaz todo o tesão que tenho de vender a passagem, de vender o hotel, de passar informações.Os motivos são muitos, mas o principal é que fico com pena.Pena de ver uma pessoa tendo que ir viver longe dos seus pq o país não lhe oferece condições, pena de ver a pessoa endividar mais ainda a família na compra dessa viagem e correr o alto risco de ser deportado e todo esse dinheiro ir ralo abaixo e pena,principalmente, de ver que a única fantasia nessa viagem è ganhar dinheiro.E dinheiro cega, muitos imigrantes passam anos em lugares distantes praticamente sem viver, trabalhando, juntando dinheiro, trabalhando mais ...

Um dia voltam sem ter ido...Não aprenderam nada, não absorveram nada, não cresceram nada, só trabalharam, só foram absorvidos.Voltam , as vezes, com 1 dinheirinho no bolso e anos de 1 vida suspensa.

Hoje um desses passageiros ligou na agência pra dizer que chegou à Paris.

Fiquei feliz, não só pq ele passou pela imigração, pq sinto que ele é diferente.

Imigrantes se fingem de turistas, mas ele é um turista que se finge de imigrante.Finge que esta indo atrás de dinheiro, mas esta indo atras de sonho, de vida.(Vejam só,levou até patins!!)

Ligou pra saber como fazia pra ir ao Museu do Louvre, no primeiro dia!!!Pagar qse 10 euros pra ir num museu é coisa que 1 imigrante nunca faz, ainda mais no primeiro dia.O dinheiro é pouco, contado, pra comer.Mas esse menino eu vejo que ele tem fome de mais, tem fome de cultura, de alegria,de vontade de viver.

O sonho dele não é só dinheiro, é de vida.

E começou a se realizar lá na agencia, com meu albúm de fotos no mão.

6 comentários:

lisoca disse...

É complicado isso ... e a cada dia sabemos de mais pessoas que fazem isso ... O Rossy tem uma tia que não ve os filhos tem 10 anos, ela foi embora eles eram crianças, hoje fazem faculdade ...ja pensou ?

Anônimo disse...

sabe que já sonhei em faz isso? não de trabalhar para ganhar dinheiro, mas como a simone, viver uma experiência loge daqui.....
marcela noleto

Simone disse...

Dani, todo mundo que sai de seu pais de origem para viver em outro eh imigrante. Eu sou imigrante, a Katia eh imigrqnte, e muitq gente aue eu conheco que esta feliz da vida por aqui eh imigrante tambem, essa nao eh uma palavra pejorativa. Acho aue vc queria dizer ilegal, que eh outra coisa.

Thaiza Nacaxe disse...

Concordo com a Simone. Mas todo mundo entendeu o que voce quis dizer.
Muito legal essa fome de aprendizado, de vida e não só de dinheiro. A parte chata é que quase todo mundo que vai pra ganhar mais, trabalha igual a um escravo e se ilude que tá ganhando mais, porque se trabalhasse o mesmo tanto aqui, ganharia bem tambem.

Gostou de ler o que eu escrevi? Também ADOREI escrever!!!!

taderbal disse...

Simone,
eu sei o que imigrante, mas é uma forma sim de se referir ao ilegal,sei que vc tbem é imigrante e não foi forma pejorativa de forma alguma.Mas mesmo nesse caso eu ainda prefiro vender pro turista,pq tenho o feed back,entende??

Simone disse...

Dani, vc generaliza imigrante como ilegal e fala que nao usou o termo de forma pejorativa?
Eu entendi o que vc queria diser, so acho que esse nao eh o termo correto, ainda mais pra vc que eh profissional.